Propostas sobre Combustíveis, não terão efeito para o consumidor, diz advogado | CNN SÁBADO

fev 22, 2022 | Mídias | 0 Comentários

Em entrevista à CNN neste sábado (19), o advogado André Felix Ricotta afirmou que as propostas para a redução dos preços dos combustíveis que estão sendo debatidas não devem ter impacto prático para o consumidor e que a solução passa por uma reforma tributária mais ampla.

Jovem Pan : Estamos com o Advogado e Dr em direito tributário André Felix Ricotta , boa noite , seja bem vindo, me ouve bem ?

Andre Felix Ricotta : Obrigado pelo convite , boa noite.

Jovem Pan : André olha, a gente tem consultado muitos especialistas aqui na CNN em alguns  tem feito varias ressalvas em relação aos projetos que estão sendo discuidos pelo congressi nesse momento né que são vistos alguns especialistas têm mencionado como imedietalista e pouco eficaz em muitas ressalvas são feitas no sentido de que seria necessário um um debate mais amplo e profundo em torno dessas questões e que essas propostas que estão sendo discutidas não deverm ser o resultado prático que a população deseja aqui no final das contas é o preço dos combustíveis baixar os caminhos André essa discussão deixou de percorrer e o que você imagina que é necessário para que ela se torna de fato uma discussão e ficasse profunda como dizem esses outros especialistas se é que voce concorda .

Andre Felix Ricotta : Bem colocado , a situação do Brasil é bastante complicada em matéria tributária, demonstra que o governo , congresso nacional não tem um projeto especifico para reduzir a carga tributária melhorar o sistema tributário nacional né , um tempo atras discutir a reforma tributária em a pé e a peça de descem voltando papra discussão  no Senado e na reforma da tributação sobre o consumo e existem outros projetos paralelos e discutem a redução dos tributos sobre combustíveis isso demonstra aqui não há uma coberta coerente dentro do próprio congresso nacional nem o próprio congresso e sabe oque precisa fazer para reduzir a carga tributária e desonerar o combustível efetivamente vai fazer um resultado prático né pouco para o conumidor a ultilização do composto multo alto está atrelado ao preço internacional  e dá uma política adotada pela operação da petrobrás e dificilmente a carga tributária vai trazer e o impacto é desejado pela população também que essas questões discutidas no senado dessa são eleitoreiras da pec dos combustíveis é de furar a lei de reconstrução através de uma emenda à condicional governo poderá reduzir os tributos o combustível  tem que fazer uma compresação o que pode trazer a compresnsação o oque trazer um aumento né do déficit público os estados que não quisetem aderir essa perto da dívida pela uma faculdade resuzir o ICMS sobre o combustível pode ficar numa situação política complicada nas governadores.É vai entender uma reelição e tente mover resultado prático e nós não vemos objetivos e efetivos né deveria ser feita uma discussão mais ampla enquanto uma reforma tributária tolerasse toda a cadeia produtiva é um problema que nós temos aqui no Brasil né a nossa tributação ela é injusta e ela não busca a justiça só e ela é uma tributação pesada sobre a cadeia produtiva sobre o consulma ou ônus fiscal com o financeiro de todos os tributos e incitam dos consumo ao consumidor final.

Jovem Pan : como dar o cidadão então isso deve ser discutido mais  amplamente de forma transparente bem e honesta e sincera …
Veja a entrevista completa  no link abaixo

 

 

Outros artigos…

Será que o preço dos combustíveis vai cair na bomba?

Será que o preço dos combustíveis vai cair na bomba?

Equilibrar o valor dos combustíveis é a meta da Lei do Congresso Nacional 192/22, a Lei dos combustíveis. Sancionada em 11 de março, a medida prevê a isenção do PIS/ PASEP e do Cofins e a redução do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadoria e Serviços) por meio da...

Close Bitnami banner
Bitnami